sábado, 6 de junho de 2015

Fotogenia


Tu me fazes sorrir
E ao teu lado me sinto tão bem
Que às vezes me estranho.

Sou eu e não sou eu
Um avesso de mim
Uma resposta de ti.

Tu és o espelho
Que melhor me reflete
E sabes aproveitar
O que há de melhor em mim.

Sou belo, porque sinto amor.
Sou luz, porque visto os teus olhos.
Sou tempo, porque durmo em teu seio.
E vejo passar as estações sem me inquietar.

Tu me retiras todos os dias
O cisco
E me fazes enxergar

Bem melhor.